2.3.12

salada de mozzarella e tangerina

salada de mozzarella e tangerina

Inspirada mais uma vez no livro " Cozinhar com Jamie Oliver ", fiz esta salada com os ingredientes que tinha em casa.


Os ingredientes:

1 bola de queijo mozzarella
2 tangerinas biológicas descascadas e cortadas em rodelas de 0,5 cm
sal marinho e pimenta moída na altura
1 limão biológico
1 punhado de rúcula selvagem lavada e seca ( usei de pacote )
folhas de alface pequenas  (parte central da planta ) lavadas e escorridas
folhinhas de hortelã biológica lavadas e escorridas
2 fatias de bacon com pouca gordura ( ou presunto )
vinagre caseiro q.b.

Molho:

sumo de 1 limão biológico
10 colheres de sopa de azeite virgem
sal marinho e pimenta moída na altura

A receita: 

Colocar as tangerinas no frigorífico com antecedência para ficarem brilhantes e suculentas.

Em dois pratos individuais colocar  a  bola de mozzarella em pedaços. Polvilhar com o sal e a pimenta e ralar por cima a casca de limão.

Numa taça envolva a rúcula, a alface e as folhinhas de hortelã num pouco de tempero.

Estenda as fatias de bacon e use-as para embrulhar as folhas temperadas.

Coloque os rolinhos de bacon em cada um dos pratos, decore com o resto das folhas de hortelã e tempere com umas gotas de vinagre. Sirva imediatamente.



Vi no feed de notícias do meu facebook este vídeo que hoje publico aqui e que me fez pensar na alimentação de um ponto de vista mais sério, esta é muito mais que meia dúzia de boas receitas. Somos o que comemos.

( Desculpe-me o contacto que o partilhou mas já não me recordo quem foi. )



É urgente a educação alimentar. Um apelo feito pelo Chef Jamie Oliver nesta excelente peça do TED Prize wish. Em Portugal a má alimentação ainda não atinge as proporções catastróficas de que os EUA e o Reino Unido padecem, mas para lá caminhamos a passos largos. A mensagem passada no vídeo demonstra que  a comida processada é um cancro que é urgente combater, mais uma vez o enfoque é posto nos produtos locais, frescos e biológicos em contraponto à junk food, princípios básicos que regem desde sempre a conduta do orador.

Vale a pena ouvir os vinte e um  minutos do vídeo atentamente.

11 comentários:

  1. Adorei esta saladinha :)) a foto está linda, com cores perfeitas.
    Adoro o Jamie e entendo perfeitamente a luta dele.
    Felizmente ainda não podemos comparar com os EUA, mesmo que já tenhamos muito fast food. Somos um povo que tem por habito cozinhar em cas e comida caseira.
    Mesmo nas escolas a comida não é má e falo por experiência. No entanto há uma grande contra nas refeições das escolas que eu não concordo. Para a sopa usam uma base de farinha em vez de batata.
    Depois temos os pais que em vez de enviarem fruta e pao para o lanche enviam bolachas com chocolate e bolycaos..........

    Bjo doce

    ResponderEliminar
  2. Um belíssimo post. Com uma receita inspiradora. É que até não é difícil comer bem, com sabor e com saúde!
    Babette

    ResponderEliminar
  3. O Sr. Jamie é mesmo um senhor :)Adorei a tua salada uma sugestão saudável e fresca. bom fim de semana

    ResponderEliminar
  4. Olá Babette!

    Pois, por vezes é das coisas mais simples que há, basta comer fresco, verde e descomplicado:)

    ResponderEliminar
  5. Olá Marmita, o sabor da mozzarella juntamente com o das tangerinas, o molho, a rúcula...tornam esta salada uma delícia! Bom fim de semana! :)*

    ResponderEliminar
  6. Olá Pipas!

    Felizmente que a nossa realidade é diferente da dos EUA, que é das mais mortíferas nos países desenvolvidos.

    A nossa dieta é bem mais saudável com base na cozinha mediterrânica cheia de cor e de produtos frescos. O problema está mesmo na produção destes produtos que de biológico têm pouco devido à produção intensiva e em massa. As terras de cultivo aqui na zona rural onde vivo ( em Vila do Conde de onde vem o leite da Agros!) são usadas para uma agricultura intensiva à base de produtos químicos como os pesticidas e os fertilizantes. São poucos os agricultores que não os aplicam. A água possui um elevado teor de nitratos, rebentando a escala quando se faz o teste... um autêntico veneno para consumo humano que se reflete nos alimentos que consumimos.

    Mas se a nossa realidade é diferente da americana, vamos no mau caminho também. Concordo quando dizes que nas escolas portuguesas a ementa nem é muito má. Tem sopa, prato e fruta. Mas existem as máquinas de doces e chocolates! Vejo muitas vezes os miúdos no primeiro intervalo da manhã comerem bolachas, doces e até beberem refrigerantes como coca-cola! Outros que nem o pequeno-almoço tomam! É por isso que é urgente a educação alimentar, a começar na própria escola e a ser levada para casa.
    Concordo com o Jamie quando diz que um aluno deveria sair do ensino básico a saber cozinhar 10 refeições saudáveis!

    Um beijinho!*

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Em relaçao às máquinas também fico "danada" por existirem. Mas, mais uma vez, felizmente não se passa em todas as escolas. Eu trabalho numa EB1 pública e isso não existe.
      A meio da manhã são preparados pães para os meninos comprarem se quiserem.
      Também damos leite branco e pão à tarde.

      Na EB2/3 pública onde a minha filha estuda também não existe máquina para os alunos, só na sala dos professores. Existe um bar onde eles podem comprar o que quiserem mas só podem comprar atraves do cartão e é tudo controlado pelos pais através da net.

      Mais uma vez culpo muito os pais. Pois somos nós que temos de controlar e educar.

      Se visses a quantidade de porcarias que os pais enviam para os lanches dos miudos............ meu Deus!!!

      Acho que todos nós deviamos ter um Jamie nas escolas, não só para quem as frequenta mas também para os encarregados.

      Um grande beijinho e obrigada por este blog maravilhoso:*

      Eliminar
  7. Temos que voltar rapidamente à nossa dieta mediterranica
    :)

    ResponderEliminar
  8. Olá Pipas!

    A responsabilidade é mesmo de todos nós os educadores, pais e professores. Se todos fizermos um pouco conseguimos formar, mesmo remando contra a maré. É que a chamada comida de plástico é mesmo muito apelativa para os miúdos!

    Sou professora numa EB2/3 e sinto muitas vezes que a escola não forma para a vida prática. Mas isso já era outro assunto com pano para mangas :)

    Mané concordo plenamente, é bonita e saudável, não é?

    ResponderEliminar
  9. Gosto muito destas saladas saudáveis mas com sabores definidos.
    E muito apelativa pelas cores
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  10. Citrinos e folhas verdes, mozzarella e fotos lindas. Está aqui tudo o que me dá um prato cheio!
    :)

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...